Käthe Kollwitz

Käthe Schmidt Kollwitz (, - 22 abril ) era a . Foi carregada dentro , . Seu marido era um doutor amongst os pobres em Berlim. Fêz-lhe exame da inspiração de seus pacientes e dos povos de que viveu em torno deles nos slums e cenas pintadas da pobreza e de sofrer.

Statue of Kollwitz in East Berlin
Estátua de Kollwitz em Berlim do leste

Seu trabalho era demasiado difícil para os patrons da arte do tempo e quando foi nomeada para a medalha de ouro do Grosse Kunstausstellung em Berlim, Kaiser Wilhelm II reteve sua permissão.

Perdeu seu filho mais novo Peter na primeira semana da primeira guerra de mundo, alertando um depression prolongado. Sobre os 17 anos seguintes trabalhou em um memorial para ele, intitulado "os pais afligindo-se" com foi colocada no cemetery flemish de Roggevelde em 1932. Mais tarde, quando a sepultura de Peter foi movida para o Vlodslo próximo as estátuas foram movidas também. Criou também os sculptures de quatro soldados mourning no cemetery de Langemarck em Bélgica.

Era um socialist e um pacifist cometidos como ilustrada folha memorial pelo seu trabalho "para "e sua participação com o conselho para a arte, uma parte dos trabalhadores do governo socialist no primeiro poucas semanas após a guerra. Em Partido Nazi forçado ela para renunciar seu lugar na faculdade do academy das artes. Foi proibida de exibir, mas algum de seu trabalho foi usado pelos nazis para o propaganda. Sobreviveu seu marido (morrido dentro da doença), e seu neto, Peter (filho de seu filho mais velho Hans), que morreu na ação dentro .

Evacuou dentro , e movido para Moritzburg, uma cidade próximo , onde morreu imediatamente antes do fim do Segunda Guerra De Mundo.

Ligações externas

 

  > Português > en.wikipedia.org (Traduzido por computador no português)