Injeção letal

Injeção letal é um método de punição importanta isso envolve injetar condemned com o veneno para causar a morte. Ganhou a popularidade no vigésimo século como um formulário suposta humano de execução significou suplantar métodos como electrocution, suspensão, squad do acendimento, câmara do gás, ou decapitation; o humaneness real da técnica tornou-se debatido em décadas recentes.

Índices

Procedimento

Na teoria o processo "da injeção letal" podia consultar a uma variedade larga dos meios da execução: além dos produtos químicos mortais diversos disponíveis para o uso, a administração intravenous pode ser conseguida em um número de maneiras diferentes. A técnica tem precedents históricos em outros formulários da execução perto envenenamento, como suicide forçado submetido perto Socrates, e também no uso difundido da injeção letal como meios de euthanasia animal. A seção atual discute os métodos da injeção letal no uso ativo atual no mundo; para outras técnicas, veja a seção do history.

Procedimento nos estados unidos

Depois que condemned é prendido na tabela da execução, dois intravenous catheters são introduzidos, um em cada braço. Somente um é usado para a execução, o outro está reservado como um apoio caso que o IV preliminar falha para alguma razão.

O braço do condemned é limpado com álcool antes da agulha é introduzido. Junto com o seu antiseptic uso, o álcool faz com também que as embarcações de sangue levantem-se à superfície da pele, fazendo o mais fácil de introduzir a agulha. [ 1 ] As agulhas e o equipamento usados sterilized também, embora isto é porque são os produtos médicos padrão que sterilized durante o manufacturing. Há também uma possibilidade que o prisioneiro poderia receber uma estada da execução depois que as agulhas foram introduzidas como acontecidas no exemplo de James Autry em outubro 1983 (foi executado eventualmente sobre 14 março 1984). Também seria um perigo para aqueles que seguram o equipamento.

A injeção é intravenous e é geralmente uma mistura dos compostos, projetou induzir rápido unconsciousness seguido pela morte com muscular paralysis dos pulmões eou induzindo cardiac depolarization.

A execução de uma vítima em a maioria de estados envolve três injeções separadas:

  1. Sodium thiopental: induzir um estado do unconsciousness pretendeu ao último quando outras duas injeções fizerem exame do efeito.
  2. Pancuronium/Tubocurarine: para parar todo o movimento do músculo excetue o coração. Isto causa o paralysis involuntary do músculo, colapso do diafragma, e eventualmente morte perto asphyxiation.
  3. Cloreto do potassium: para parar o coração de bater, e assim a morte da vítima: veja apreensão cardiac.

As drogas não são misturadas externamente como a que pode as causar precipitate.

A tubulação intravenous conduz a um quarto ao lado da câmara da execução, separado geralmente do inmate por uma cortina ou por uma parede. Geralmente algum tipo de técnico do IV com a certificação para introduzir o tubo do IV executa esse papel, quando o técnico químico, quem é geralmente um membro das ordens da equipe de funcionários da prisão, prepara-se, e cargas os produtos químicos na máquina. Depois que a cortina é aberta para permitir que as testemunhas v dentro da câmara, condemmed a pessoa será permitido então para fazer uma indicação final. Depois disto, o warden sinalizará para que a execução comece, e o executioner(s), equipe de funcionários da prisão ou cidadãos confidenciais, dependendo do jurisdição ativará então a máquina, qual entrega mecanicamente as três drogas em ordem. À excepção da observação visual pela equipe de funcionários da prisão, o doutor, e as testemunhas, não há nenhum mecânico ou a monitoração científica do inmate durante o processo e nenhum esforço é feita para determinar se o anesthesia está sempre no fato induzido. A morte resulta geralmente dentro de sete minutos, embora o procedimento inteiro possa fazer exame de até 45 minutos.

O código da associação médica americana do ethics proíbe doutores de participar nas execuções [ 2 ]. De qualquer modo há sempre um médico atual para declarar oficialmente os mortos do prisioneiro.

History

Hitler' doutor pessoal de s, Karl Brandt, era o primeiro para sugerir injetar um dose letal do veneno como um método da execução, especificamente para euthanizing povos disabled. Programa Do Euthanasia T-4 injeção letal usada entre outros métodos. No Campo de concentração de Auschwitz, O pessoal dos SS matou os prisioneiros de que eram doentes ou de que tinha sido sentenciado à morte pela injeção phenol e outros venenos.

Estados Unidos era assim, estritamente falando, a segunda nação à experiência com injeção letal como meios da execução, usando o primeiramente sobre Dezembro 7, 1982 quando Ribeiros De Charles, Jr. foi executado em Texas. [ 3 ] [ 4 ]

O conceito tinha sido proposto dentro 1888 por J. Montagem Bleyer dentro New York, mas não era aprovado. Foi rejeitado também pelo Commission real britânico na punição importanta (1949-1953) após a pressão do Associação Médica Britânica. Em 1977, Oklahoma tornou-se o primeiro estado para adotar a injeção letal depois que a idéia revived nos E. U. em fevereiro 1977 por Dr.. Stanley Deutsch. Desde então, a maioria dos E. U. indica que usando a punição importanta prefira usar a injeção letal.

A prática estendeu fora dos E. U. quando foi adotada pelo República Popular da China em 1997, Guatemala em 1998, e Filipinas em 1999. Alguns outros países adotaram o método na lei mas não na prática.

A equipe de funcionários que introduz a agulha no braço e injeta as drogas não é profissionais médicos, como executar um procedimento médico para matar o "paciente" pareceria violate Juramento Hippocratic. Nos estados unidos, o código do ethics do Associação Médica Americana proíbe doutores ou enfermeiras de fazer exame da parte em procedimentos letais da injeção, mas voluntário técnicos médicos da emergência foram usados para esta finalidade.

Controvérsia

O interesse foi levantado que execução pela injeção letal, como praticado nos estados unidos, não é realmente humano. Discutiu-se que ultrashort-agir o anestésico pode desgastar fora, deixando o inmate inteiramente conscious, contudo rendido paralizado pelo agente paralytic. Há diversas razões para o interesse.

Primeiramente, o sodium thiopental é um barbiturate ultrashort-agindo, usado na cirurgia somente na fase da indução do anesthesia, especificamente de modo que o paciente possa awaken e respirar em his ou seu próprio poder se alguma complicação se levantar em introduzir uma pre-cirurgia do tubo respirando. Não é usado manter um paciente em um plano cirúrgico do anesthesia por causa de sua natureza curto-agindo.

Em segundo, o segundo produto químico injetado, brometo do pancuronium, pode agir para diluir a injeção inicial do sodium thiopental.

Em terceiro lugar, porque o pessoal envolvido em administrar a injeção falta o treinamento e a perícia no anesthesia, o risco da não induz o unconsciousness é aumentado extremamente. O dosage do sodium thiopental deve ser medido com precisão, e a administração da quantidade apropriada do dosage depende em cima da concentração da droga e do tamanho e da condição do assunto. Por causa da maneira em que as drogas são administradas (remotamente, com nenhuma observação do inmate), o risco dos erros na injeção que faz com que as quantidades insuficientes de produtos químicos entrem no bloodstream é aumentado extremamente.

O efeito da diluição ou da administração imprópria do sodium thiopental é que o inmate morre uma morte agonizing com lento suffocation quando inteiramente conscious, contudo incapaz de expressar alguma dor. Quando o brometo do pancuronium paralizar os músculos esqueletais, including o diafragma, não tem nenhum efeito no consciousness ou a percepção da dor ou de sofrer. Para esta razão, o uso de paralizar agentes para euthanizing dos animais como gatos e cães tem sido feito ilegal - diretamente ou pela referência ao Associação Médica Veterinária Americana' painel de s no euthanisia, qual proíbe a prática geralmente [ 5 ] - ao menos em 19 estados, incluir Texas, o estado que executa a maioria de povos pela injeção letal. Entretanto, o uso destes agentes para a execução continua.

Na ocasião, tem também estado umas dificuldades que introduzem as agulhas da entrega, às vezes fazendo exame da metade excedente um da hora para encontrar uma veia apropriada. Alguns dos erros precedentes em execuções de Texas incluem:

  • Os técnicos puncionaram o inmate repetidamente nos braços e nos pés para 45 minutos antes que uma veia estêve encontrada. (Stephen Peter Morin [ 6 ], Março 13, 1985)
  • Os executioners esforçaram-se por 35 minutos para introduzir catheter nas veias de um inmate. (Elliot Johnson, Junho 24, 1987)
  • 24 minutos decorreram entre o tempo onde a injeção inicial ocorreu e o tempo o inmate era mortos pronunciados; dois minutos no procedimento, o syringe saiu do braço do inmate e os produtos químicos pulverizaram para fora para testemunhas. (Raymond Landry [ 7 ], Dezembro 13, 1988)
  • Depois que um inmate teve uma reação física violenta às drogas enquanto foram injetados, General De Advogado De Texas indicou o inmate "parecido ter uma reação um tanto mais forte,"adicionar" as drogas pôde ter sido administrada em um dose mais pesado ou mais ràpidamente."(Stephen McCoy [ 8 ], Maio 24, 1989)

Em 2005, Universidade de Miami os investigadores relataram no jornal médico O Lancet que os acreditaram em 43 fora das 49 execuções investigou, o nível de thiopental no sangue era mais baixo do que isso requerido para a cirurgia. Isto tem a ligação eles para acreditar que os prisioneiros estavam inteiramente cientes de o que lhe estava acontecendo. Os autores atribuíram a taxa do consciousness provável entre inmates à falta do treinamento e da monitoração no processo, e recomendado que os estados fazem exame de um olhar no Associação Médica Veterinária Americana' recomendações de s no euthanasia animal, qual proíbe o uso de agentes paralytic em combinação com barbiturates e recomenda animais como gatos e cães seja euthanized por uma única injeção de um barbiturate longo-agindo tal como o pentobarbital do sodium. [ 9 ]

Os oponentes da injeção letal como praticado atualmente discutem que o procedimento empregado é inteiramente desnecessário e está apontado mais para criar a aparência da serenidade e de uma morte humana do que realmente morte humana. Brometo de Pancuronium, o agente paralytic empregado na injeção letal, é usado na cirurgia manter pacientes immobilized durante os procedimentos cirúrgicos delicados que ocorrem perto dos órgãos vitais. Pelo contraste, seu uso na injeção letal não serve a nenhuma finalidade, desde que não há nenhuma necessidade manter o inmate immobilized completamente e o inmate é contido fisicamente.

Os oponentes dizem aquele porque morte pode painlessly ser realizado, sem risco de consciousness, pela injeção de um único dosage grande de barbiturate, o uso de todos os outros produtos químicos é inteiramente superfluous e serve somente aumentar desnecessariamente o risco de tortura durante a execução. Desafios legais, entretanto, têm que datar sido mal sucedido, e Cortes federais unidas dos estados empregaram uma escala de obstáculos processuais evitar de alcançar os méritos das queixas, para evitar provavelmente o provisório moratorium isso ocorreria quando os estados se moveram para alterar seu protocolo respectivo da execução.

Veja também

Referências

 

  > Português > en.wikipedia.org (Traduzido por computador no português)